Buscar

Como funciona o algoritmo do Instagram? Explicação do diretor do Instagram (traduzida)

Atualizado: 29 de jul.

Todo mundo quer saber a resposta de milhões: como funciona o algoritmo do Instagram?


O Instagram é uma ótima rede social para começar um movimento na sua marca. Não deve ser o único canal de contato com seu público, mas é fato que é um dos mais acessíveis de manter ativo.


Por isso, muita gente se pergunta como exatamente funciona o algoritmo do Instagram, já que até então (2022) não sabíamos uma resposta exata.


Recentemente Mosseri, diretor do Instagram, lançou um vídeo falando, finalmente, sobre como o Algoritmo do Instagram funciona.


O vídeo está em inglês, no final desse artigo, e aqui minha intenção é trazer os pontos mais relevantes do vídeo traduzidos porque é importante que a gente saiba como funcionam as plataformas que usamos, pra deixar de ser trouxa haha :)


O algoritmo funciona de forma um pouco diferente para feed, stories, a aba explorar e reels. Segue comigo aqui que tem explicação de tudo!



como funciona o algoritmo do Instagram
Criação de conteúdo envolve conhecer como as coisas funcionam


Como funciona o algoritmo para feed e stories?


O algoritmo leva em consideração 4 pontos para rankear as postagens que você vê:

  1. Informações sobre o post

  2. Informações sobre o autor do post - é alguém que posta com frequência? é um amigo seu?

  3. Informações sobre as suas atividades - você prefere ver mais vídeos? tende a não curtir tantas fotos?

  4. Histórico de interações com a pessoa que postou - é analisado se você comenta nos conteúdos passados desse perfil


5 métricas mais importantes do feed e stories


1. Tempo gasto com o post

2. Likes

3. Comentários

4. Salvamentos

5. Cliques no perfil


O rankeamento dos posts (a ordem que eles aparecem pra você) não é cronológico, como já foi, ou seja, não é por data de postagem, mas sim com base nesses pontos mencionados acima.





Como funciona o algoritmo na aba Explorar?


Na aba explorar é diferente do feed e dos stories.


O algoritmo define um grupo de posts que você pode estar interessado, com base nos posts que você já gostou antes, assim como das pessoas que você segue.


Exemplo: você acompanha um perfil de uma chef, ela posta receitas e pratos prontos, tudo lindo. Aí o Instagram te sugere no Explorar uma conta semelhante, que posta receitas mas em outro formato (reels).


Os pontos relevantes para a entrega na aba Explorar é:


- Informações sobre o post - sobre o que ele é?

- Histórico de interações - perfis com os quais você interagiu, conta bastante aqui

- Suas atividades - o que você costuma ver

- Informações sobre o autor - quem postou


Na aba explorar, as métricas mais importantes são:


- Likes/curtidas

- Salvamentos

- Compartilhamentos



como funciona o reels no instagram
Bora saber qual é o segredo do reels?

E o reels, funciona como?


Reels é desenhado para entreter e é bastante relevante na aba Explorar, para que você tenha acesso a conteúdos do mundo todo e não apenas das pessoas que você segue.


A entrega dos reels segue as mesmas lógicas anteriores: quem você segue ou já viu vários reels, etc...


A diferença é que você tem acesso ao conteúdo mais amplo e não apenas filtrado por seus interesses diretos. No final desse texto, ele sugere ações práticas para influenciar conscientemente o seu uso da plataforma.



Shadow Banning: seu conteúdo não chega pra quem deveria?


Nas palavras de Mosseri:


“Shadow banning é um termo que as pessoas usam para descrever todas as coisas que podem acontecer com elas no Instagram.


E quero começar reconhecendo que não fizemos tanto quanto deveríamos para deixar claro exatamente por que as coisas podem estar acontecendo no Instagram, pelo menos não historicamente.

Quando as pessoas não têm informações, é razoável presumir o pior. E é por isso que queremos ser mais transparentes sobre por que fazemos o que fazemos e por que estamos criando assim."

A razão mais comum pela qual as pessoas dizem que estão em shadowban é quando elas não estão alcançando o número de pessoas que elas gostariam, quando postam.


Não tem como garantir que você vai alcançar sempre o mesmo número de pessoas. Tem muitas coisas que mudam: os interesses que as pessoas estão tendo, com que pessoas ou perfis você está competindo.


Em datas comemorativas ou eventos muito importantes, em que a atenção das pessoas está voltada, é difícil competir com esse tema.


Existem algumas regras da comunidade do Instagram, que definem o que pode ou não ser postado, como: discursos de ódio, violência, como ele menciona no vídeo.


E, ao final, ele fala sobre como você pode influenciar a sua experiência no Instagram.



como funciona o algoritmo do instagram
Modelando a sua experiência com - um pouco mais de - autonomia.


Como influenciar com mais autonomia a sua experiência no Instagram


1. Você decide em quem você segue e isso impacta no que aparece pra você.


2. Você pode usar close friends e isso ajuda a trazer o seu post como preferência para esse grupo de pessoas, pois o Instagram entende como relevante. (achei essa dica sensacional)


3. Você pode mutar pessoas, ou seja, não precisa dar unfollow mas os conteúdos não irão aparecer pra você.


4. Marcar os posts como "não interessante" no reels ajuda a filtrar o que aparece.



A ideia do vídeo (e dos próximos, como ele antecipa) é mostrar que eles estão dispostos a dar mais controle às pessoas sobre o seu próprio consumo e da sua experiência na plataforma e também criar mais transparência sobre como as mudanças são feitas e como o aplicativo funciona - nas próprias palavras do Mosseri.


É bom ter mais transparência, mas é tão estranho o quanto fica implícito nas palavras que a plataforma DETÉM o controle sobre o nosso consumo e experiência e que agora eles decidiram ser um pouco mais flexíveis com isso,

para que tenhamos mais autonomia.


Fica a reflexão.



Referências:

Artigo do Instagram que fala sobre isso

Vídeo que eu usei como base para fazer esse texto



Se esse conteúdo fez sentido pra você, compartilhe!


Com carinho, Késsile Tanski.

152 visualizações0 comentário